Úteis e Fúteis…

Posts marcados ‘Censura’

Serra se contradiz de novo


Já é de conhecimento de muitos que Serra, candidato à presidência pelo PSDB, uma hora diz que fará algo e outra hora acaba não fazendo justamente o que havia prometido fazer.

Abaixo listo algumas das mentiras que o candidato tucano vem contando e se contradizendo.

Mandato Integral

Essa já é conhecida de muita gente. Em 2004 Serra assinou um documento em cartório se comprometendo em cumprir o mandato da prefeitura de São Paulo, sem se afastar do cargo para concorrer a nenhum cargo eletivo. Em um debate realizado na Record, ao responder uma pergunta do apresentador Boris Casoy, ele reforçou que caso não cumprisse isso os 4 anos de mandato na prefeitura, os eleitores não deveriam mais votar nele.

Na imagem abaixo está o documento assinado pelo tucano.

Liberdade de Imprensa

No dia 19 de agosto desse ano, Serra , junto com Dilma, assinou a Declaração de Chapultepec, que tem como principal objetivo a liberdade de imprensa.

Na ocasião o candidato do PSDB, disse que a imprensa brasileira está sendo assediada e ainda afirmou: “E todos aqueles que são democratas têm de defender a liberdade de imprensa.”

Porém, neste mês (outubro), Serra pediu a censura da edição nº 52 da Revista do Brasil. Fato já levantado por mim no post “A mídia e a censura tucana“.

Apoio aos homossesxuais

Serra se diz favorável no que se refere aos direitos dos homossexuais, entre os quais, o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Porém, isso não parece ter a mínima importância quando se trata de defender a segurança dos mesmos. Pois, Serra já anunciou que se a Lei que ciminaliza os atos homofóbicos for aprovada, ele irá vetar.

Ontem (26/10/2010) em uma convenção da Assembléia de Deus Serra fez a promessa de veto à lei depois de ter sido questionado por um pastor sobre o assunto. Para saber mais a respeito pode se informar no site da Folha.

Ainda tem mais…

Esse foram apenas alguns exemplos. Se buscar pelo histórico do candidato podemos encontrar muito mais.

Peço que quem lembrar de algo mais, que coloque nos comentários abaixo. Prometo me informar a respeito e ir investigar para futuras postagens aqui no blog. Todos tem o direito de conhecer as várias caras do Serra.

PSDB ressuscita a censura


Já sabemos que os tucanos conseguiram censurar a edição número 52 da Revista do Brasil. Sabemos que Beto Richa (PSDB do paraná) censurou pesquisas porque elas mostravam que ele estaria perdendo votos. Sabemos, inclusive, que vários blogs foram atacados para tentar impedir que lêssemos o que lá havia.

O que muita gente não sabe ainda é que agora querem legalizar a censura.

Uma lei que está no congresso há algum tempo está sendo trazida à tona novamente: A lei Azeredo.

Ela parece ter uma boa intenção. Acabar com os crimes cibernéticos, como o download ilegal de conteúdos (música, filmes, programas, etc…).

De acordo com o texto da lei, os provedores de acessos devem armazenar logs de usuários. Assim tudo o que for feito na rede ficará registrado. E isso facilitará encontrar as pessoas que estejam cometendo crimes.

Mas com a atuação de Serra, Richa e outros tucanos, como podemos ter certeza que irão prender apenas criminosos? Será que não vão usar isso como arma pra calar de vez aqueles que se opõem a eles como tem feito nas últimas semanas?

A meu ver, o PSDB continua querendo que o povo volte a era do medo que existia durante a ditadura. Pois qualquer coisa que você faça pode ser considerada errada de acordo com a interpretação e por isso passível de punição.

Para quem quiser saber mais sobre a lei pode clicar aqui. E para quem quiser saber quem é o Eduardo Azeredo (PSDB de Minas Gerais), criador da lei, pode clicar aqui.

A mídia e a censura tucana


Por várias e várias vezes vi o Serra acusar Dilma e o Lula de quererem censurar a mídia, conforme mostra essa reportagem: Serra acusa PT de censurar e intimidar imprensa

O que o Serra não esperava é que descobrissem que ele e o partido fossem denunciados pelas mídias que agora estão censurando.

Esse mês a Revista do Brasil, teve sua edição número 52 censurada. A turma do PSDB pediu e conseguiu  a censura dessa edição alegando que a revista faz campanha pró-Dilma. Pode verificar isso numa nota divulgada no site da revista.

Bom, todos nós sabemos que a revista Veja, hoje sabiamente chamada por boa parte dos usuários do twitter de #vejamente, faz campanha pró-Serra, mas nem por isso Dilma pediu que a revista fosse censurada.

Acham pouco? Não se preocupem, eu tenho mais.

Beto Richa (PSDB) pediu a censura de pesquisas eleitorais no Paraná. Sabem por que? Porque as pesquisas mostravam que  ele estava perdendo intenções de votos. Não acreditam? Podem ler mais aqui e aqui.

Beto Richa chegou a vigiar até o twitter pra ter certeza de que nenhuma dessas pesquisas seriam publicadas. Maurício Betti (publicitário paranaense) recebeu uma notificação porque postou em 112 caracteres uma suposta pesquisa que mostrava que a diferença entre Richa e Osmar Dias (PDT) tinha sido reduzida a 6 pontos percentuais. Caso o Maurício Betti não deletasse o post do Twitter, ia ter que pagar multa de R$ 50 mil.

Me responda Serra: Quem é mesmo o censurador? Lógico que se ainda estiver sofrendo com  a contusão causada pela bolinha de papel, não vou ficar insistindo que responda, já que necessita de repouso.

Kanye West – Capa foi censurada


Depois de ter divulgado no Twitter capa do novo disco, “My beautiful dark twisted fantasy”, o cantor Kanye West disse que lojas dos EUA irão se recusar a vender seu disco. O capa traz a ilustração de uma mulher nua com asas (uma fênix) fazendo sexo com um homem negro.

“Banido nos EUA! Eles não me querem relaxando no sofá com a minha fênix. Nos anos 70 as capas dos álbuns tinham nudez… É tão engraçado que as pessoas esqueceram isso… Tudo está tão comercializado agora”, disse Kanye. Depois, ainda no Twitter, ele disse que não pensa na rede de lojas Wall Mart quando está fazendo suas músicas e capas de discos.

Segundo o blog “Pop & Hiss”, do jornal “L.A. Times”, a declaração do rapper é mais uma polêmica dele no Twitter – recentemente o cantor xingou hackers que estavam divulgando as demos do disco de inéditas que ele mesmo distribuiu anteriormente pelo microblog. O periódico entrevistou uma pessoa ligada à gravadora de West, Island Records, que afirmou que foi sugerida, sim, uma mudança na arte de “My beautiful dark twisted fantasy”, mas que a empresa apoiaria o cantor caso ele fizesse questão de mantê-la.

Ainda de acordo com a fonte, grandes redes de varejo, como Best Buy e Wall-Mart, costumam vender discos com capas que tenham imagens de nu da seguinte forma: uma com a imagem polêmica e outra com uma versão alternativa.

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: